Noções básicas de fotografia

Olá! Tudo joia? Que tal aprender algo novo hoje?🙂

O assunto do post de hoje é  fotografia. Mais especificamente, vamos falar um pouco sobre três importantes elementos de uma câmera fotográfica: abertura do diafragma, velocidade do obturador e ISO. Vejamos do que se trata cada um deles, com seus respectivos efeitos:

  • Abertura do diafragma: o diafragma é a parte principal da lente da câmera. É como se fosse a pupila do olho. Sua função é controlar a quantidade de luz que entra na câmera. Em termos de efeitos fotográficos, quanto maior a abertura, mais desfocado estará o fundo da imagem. Isso permite a criação de imagens com o efeito bokeh, por exemplo. Quanto mais fechado, mais nítida toda a imagem ficará (tanto o que está no plano principal quanto o que está no fundo). A unidade de medida do diafragma é o f-stop. Um diafragma em f/1.4, por exemplo, está bem aberto, enquanto que um diafragma em f/32 está bem fechado. O valor máximo possível de abertura do diafragma é definido pela lente. Quanto maior for essa capacidade, melhor e mais cara será a lente.
  • Velocidade do obturador – o obturador é a “piscada” da câmera. Ele controla por quanto tempo o sensor fica exposto à luz. Quanto mais rápida for essa velocidade, mais “congelada” a imagem. Uma velocidade lenta faz com que seja capturado o movimento da imagem, permitindo efeitos interessantes como véu de noiva, light paiting, star trail e panning. A velocidade do obturador é medida em uma fração do tempo em segundos. Por exemplo, um obturador em 1/1000s está super rápido, ao passo que um obturador em 1/2s já está bem mais lento. Em velocidades lentas, torna-se fundamental o uso de um tripé para se evitar borrões indesejados na imagem.
  • ISO – define a sensibilidade do sensor à luz. Em ambientes com pouca luz (ou quando não se pode fazer uso de flash), é interessante aumentar o valor do ISO para que a foto não fique escura. No entanto, existe um limite. Se o ISO for aumentado muito, a imagem começará a ficar granulada. Como regra geral, em dias de sol, o normal é colocar ISO-100 ou ISO-200. De noite, ISO-450 até ISO-800 pode ser tolerável. Acima deste valor, começa a ter muito ruído na imagem (granulação).

A  figura abaixo resume de uma forma muito bacana o post de hoje. Para quem quer conhecer um pouco mais desses e outros detalhes, indico a apostila da Claudia Regina, que é boa e super rápida de se ler (para fazer o download dela, é só clicar aqui.). Também é possível visualizar a configuração desses valores na legenda de algumas fotos do blog.

resumo_fotografia
Imagem: http://www.boredpanda.com

O importante é saber que uma boa fotografia é, antes de tudo, o resultado de uma boa composição (os elementos da cena em si); e saber usar adequadamente esses três recursos contribui muito para a criação de composições mais criativas e interessantes.

2 thoughts on “Noções básicas de fotografia

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s